terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Black Swan


Nossa,faz tempo que não comento filmes!
Coisa que eu amo demais ,só que foram tão poucos filmes assistidos nesses últimos meses...
Mas então, dia 04/02, fui assistir o tão falado filme da Natalie Portman - Cisne Negro/Black Swan.
Estava com muitas expectativas pois li muitos comentários sobre e eram só elogios.
Pelo trailer realmente parecia ser demais mesmo.Adoro filmes de suspense psicológico e juntou com o Ballet,que eu acho lindoooo e que fiz durante 5 anos.

Bem...vamos ao filme.
Quero dizer que primeiro farei uma avaliação bem "por alto",superficial e sem grandes detalhes do filme,mas depois colocarei minha visão mesmo,de todas as partes mais importantes,e isso acabará sendo um spoiler.(avisarei assim que começar ok?)

Vamos lá: Nina Sayers(Portman) é uma bailarina super perfeccionista,que vive para o ballet.Após um longo esforço ela finalmente conquista o papel principal em uma releitura de O Lago dos Cisnes, substituindo Beth(Winona Ryder),a antiga e melhor bailarina da companhia.
Na preparação, Nina desempenha bem o papel do doce e delicado Cisne Branco, porém apresenta uma grande dificuldade em encontrar a sensualidade e a agressividade para interpretar o Cisne Negro. Entretanto,Nina também tem que lidar com a rivalidade de uma bailarina nova(Mila Kunis),com o relacionamento sufocante de sua mãe e com Thomas(Vincent Cassel),o diretor da peça.


Ok,isso é basicamente o que o trailer nos apresenta,mas agora aprofundando um pouquinho mais... Vamos aos Spoilers!!!
(Se você não viu o filme ou não quer saber o final,por favor não leia ok?)

Nina Sayers (Portman) é uma bailarina dedicada e competente que parece viver apenas para atingir a perfeição na dança e agradar a mãe, que é uma ex-bailarina frustrada, que disfarça o desgosto “apoiando” a filha.

Tudo parece ocorrer muito bem, até que Nina finalmente consegue ser a bailarina principal da releitura da peça O Lago dos Cisnes,o que gera um enorme ciúme em várias bailarinas que disputavam o papel,inclusive em Beth, a estrela do grupo de ballet (Wynona Rider, que faz poucas aparições no filme) é aposentada praticamente na marra.
E quando Nina achava que isso tudo já seria o bastante ...

A meiguice e a doçura do Cisne Branco Nina tira de letra,é perfeita! Mas quando precisa incorporar toda a sensualidade e malemolência do Cisne Negro...nada!
O diretor do espetáculo, Thomas (Vincent Cassel),já conhecido pelo seu comportamento "digamos - não profissional" parece atrapalhar ainda mais Nina.
Além de deixa-lá totalmente constrangida e acuada,perturba muito a cabeça da bailarina.
É então que começa a aflorar um lado desconhecido na doce Nina.
A cor rosa tão presente em vários momentos(seu quarto é todo dessa cor,suas roupas)dá lugar ao preto ,vermelho e cinza.
Nessa hora o expectador começa a não saber mais o que é realidade ou paranóia.
Será que tudo que vemos realmente aconteceu?
Olha...eu acho que não.
Principalmente a cena mais comentáda do filme.Acho que aquele lance todo foi imaginação da Nina.E vou até mais além!
Não vi essa tal rivalidade da nova bailarina(Mila Kunis)sobre Nina.
Aquilo tudo foi elaborado pela cabeça da Nina!Mas voltando...


Insegura,intimidada e frágil, age como vítima,com uma paranóia contínua através de sussurros,risadas,críticas,olhares e visões.
Mas o contato com Lily irá fazer surgir uma espécie de alter-ego sinistro.
Lily é o oposto de Nina.Tem segurança,parece se divertir enquanto dança,é livre e espontânea.
Isso é uma ameaça a Nina(em sua mente).Nina coloca em sua cabeça que será subtituida pela novata bailarina,já que ela é tudo que um cisne negro deve ser.Até asas negras Lily traz tatuadas nas costas!
Então Nina,começa sua transformação,não somente na dança,mas em sua vida.
Ela se torna o próprio cisne negro.Seu corpo começa a modificar,suas atitudes antes tão previsíveis perdem totalmente o controle e para virar realmente um cisne negro ,Nina precisa tirar seu inimigo do caminho e eliminar o cisne branco de sua vida.
Sua morte é necessária para que o cisne negro seja perfeito.
E sua apresentação termina desta forma,junto com o filme.

Bem...minha opinião é que Natalie Portman se entregou muito ao papel.Dançou maravilhosamente,como ou melhor que uma bailarina profissional.Mila Kunis por sua vez não fez nada demais,sinceramente.Não sei o que tão maravilhoso viram.
E se fosse para dar uma nota...seria 7,5 me desculpem.
Ou eu estou muitoooo chata,ou muito exigente,ou ou dois,sei lá.
Criaram uma coisa tão grande pra esse filme que acabei me decepcionando um pouco.
Sem contar umas 3 meninas na minha frente que ficavam rindo de algumas cenas sabem,simplesmente o tempo todo.Não sabia que criança podia ver esse filme.
Mas enfim,é um bom filme,adulto,com suspense e danças lindas.

Acho até que dá para tirar umas boas lições de moral desse filme - Viva a vida,aproveite as coisas ,não esquente sua cabeça com coisas que podem ser resolvidas com facilidade e não se cobre tanto.Tudo passa!

2 comentários:

Gabi Soares disse...

Tô querendo muuito ver esse filme... e não deveriam deixar crianças assistir, né?
Depois te conto o que achei.
Beeeijo!

http://gabisoaress.blogspot.com/

Michelle Nazar disse...

Tati, amiga! Euq uero TANTO assistir a este filme! Ele versa sobre um tema que amo, ballet, e tudo que o rodeia. Excelente a resenha que vc fez sobre ele miga! Beijinhos e ótima semana ;-)